8 de jan. de 2015

Resenha - Eleanor & Park

Olá leitores, tudo bem?

Segue mais uma leitura finalizada, e com a  ela a sinopse e a resenha para conferirem:
                                      Sinopse

Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinhos de dezesseis anos. Park, descendente de coreanos e apaixonado por música e quadrinhos, não chega exatamente a ser popular, mas consegue não ser incomodado pelos colegas de escola. Eleanor, ruiva, sempre vestida com roupas estranhas e “grande” (ela pensa em si própria como gorda), é a filha mais velha de uma problemática família. Os dois se encontram no ônibus escolar todos os dias. Apesar de uma certa relutância no início, começam a conversar, enquanto dividem os quadrinhos de X-Men e Watchmen. E nem a tiração de sarro dos amigos e a desaprovação da família impede que Eleanor e Park se apaixonem, ao som de The Cure e Smiths. Esta é uma história sobre o primeiro amor, sobre como ele é invariavelmente intenso e quase sempre fadado a quebrar corações. Um amor que faz você se sentir desesperado e esperançoso ao mesmo tempo.



Bom, cheguei ao fim de mais um livro que, por sua vez, foi uma leitura leve, rápida e bonita.

O livro retrata uma história de amor de dois adolescentes, porém a história não começa já com o romance construído, mas conta desde a primeira vez que os dois se viram, desde o primeiro segundo.

A personagem principal (Eleanor) enfrentava, o que muitos adolescentes e crianças sofrem atualmente, de bullying em sua escola, pelo fato de ter formas diferentes de se vestir e por ter um físico que muitos acreditam ser fora do padrão.
Além do bullying, ela presenciava juntamente com seus irmãos, momentos de agressão física em sua mãe, em que o agressor era o seu padrastro alcoólatra. 

Os trechos que relatam estas agressões físicas e psicológicas realmente dão um ar mais tenso a leitura, porém despertar também um lado de empatia perante o leitor, já que apresenta situações complicadas de se ver e de assimilar sendo adulto, imaginem como deve ser para os adolescentes/crianças que possuem estas situações dentro de suas próprias casas.

Quanto ao final, ele parecia ter um desfecho bom, porém foi um final "xoxo", sem muitas emoções, além de deixar no ar o que aconteceria com os personagens da história.

Portanto, dou nota 3 para o livro, por ter sido uma história um pouco monótona em alguns momentos e por ter tido um final tão vago e sem graça.

Se caso tenha gostado deste livro e deseja comprá-lo, é possível comprar o mesmo pela Amazon. É só clicar neste link.

AC ~

4 comentários:

  1. Nossa. Acho que sua nota foi a menor que vi para o livro... eu gostei mas não é meu preferido nem entrou pra os melhores do ano (2014). Mas eu gostei...
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Acredito que ainda não li esse livro?
    Já vi diversas postagens e resenhas sobre ele. E ele ainda está na minha estante. Na verdade, estou com vários livros para ler, então sempre vou adiando esse livro e a senha dele vai ficando para trás. Mas, vou ler sim ainda esse ano.
    Abraços Mika,
    Pensamentos Viajantes

    ResponderExcluir
  3. Gostei! (Marcos Ligeiro)

    ResponderExcluir
  4. Sou louca para ler esse livro, ele deve ser tudo de bom s2 http://cantinhodacarolll.blogspot.com.br/2015/01/casamentos-inspirados-em-livros.html

    ResponderExcluir